Acesse o Internet Banking
×

O acesso às informações do seu cartão
mudou.

Digite o CPF, clique em Primeiro acesso e faça seu recadastro. Se você for um novo cliente, siga os mesmos passos.

Caso tenha Cartão Corporativo, consulte-o por aqui.

Saiba mais

Baixe agora

Bradesco

Busca
Busca Abrir

Para Você

Abra Sua Conta

Como e porquê escolher um consórcio

Quem opta por essa alternativa poupa mais

Ao entrar em um consórcio, você assume o compromisso de separar uma pequena parcela dos seus rendimentos, durante um período, para adquirir bens e serviços de forma simples e segura. O resultado, segundo a Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios, é que as pessoas poupam 4,5 vezes mais no consórcio do que em uma caderneta de poupança, por exemplo.

Hoje, é possível adquirir uma infinidade de bens e serviços em consórcios. A carta de crédito que você recebe ao ser contemplado permite pagar o bem à vista, aumentando o seu poder de barganha na hora de pedir descontos.

O princípio do autofinanciamento

Imagine 5 pessoas pagando R$ 100,00 mensais para comprar um bem. No primeiro mês, elas juntam R$500,00 em um fundo que será sorteado entre os participantes. O ganhador recebe uma carta que dá direito a comprar aquele bem. Ele não poderá mais participar dos sorteios, mas segue pagando os R$100,00 até que os 5 participantes tenham recebido a sua carta. Este é um exemplo simplificado que serve para ilustrar a ideia do consórcio, uma estratégia para quem quer começar a investir e aumentar o seu patrimônio.

Como participar de um consórcio

  • Escolha uma administradora autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil
  • Conheça o ranking do Banco Central que avalia o desempenho das administradoras de acordo com o número de reclamações
  • Estude os planos oferecidos e encontre os melhores prazos e valores para o seu bolso
  • Leia atentamente todas as cláusulas e condições descritas no contrato; confirme o valor do crédito, o prazo de duração do grupo, percentual de contribuições, despesas que serão cobradas, tipos de seguro e garantias oferecidas; pergunte se é possível pagar as parcelas antecipadamente, quitar o saldo devedor, vender sua cota para outra pessoa e o que acontece no caso de inadimplência
  • Não acredite em promessas. Confira se tudo o que foi dito consta no contrato, peça esclarecimentos sempre que necessário e só feche o negócio quando estiver seguro de que é a melhor opção para você
  • Pague as parcelas pontualmente para participar dos sorteios e evitar multas e penalidades por atraso
  • Participe das assembleias, quando ocorre a distribuição dos créditos aos participantes contemplados por sorteio ou lance

Para saber mais

Como é calculada a prestação de um consórcio

Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios

Banco Central do Brasil